Pular para o conteúdo principal

Hoshi Mamoru Inu - O cão que guarda as estrelas | Recomendação de mangá

:: Sobre a edição
Título: Hoshi Mamoru Inu - O cão que guarda as estrelas
Autores: Takashi Murakami
Editora: JBC
Nº de volumes: 1
Nº de páginas: 132


:: Sobre os spoilers
    Tentamos ao máximo evitar os spoilers, mas alguns detalhes podem ter escapado.

:: Sobre a obra
    Acredito que o título e a capa, por si sós, já indicam que está é uma recomendação para os amantes dos cachorros. Com dois contos interligados, representados com uma bonita arte, Murakami apresenta aquilo que quem tem cachorro já sabe: o amor incondicional.
    Começando a falar por sua edição, O cão que guarda as estrelas, tem dimensões diferente do tradicional (14,8 x 21 cm). Não há páginas coloridas extras e sua capa é feita com papel Lux Cream.
    Falando um pouco sobre o que interessa, a história é bem curta, mas bastante comovente, sendo que o primeiro conto apresenta a história do cãozinho Happy, abandonado ainda filhote e em seguida adotado por uma garotinha. Acompanhamos um pouco dos primeiros anos do Happy com a família e percebemos aos poucos como algumas atitudes dos donos com cachorro são parecidas com a vida real, quando não passeamos ou brincamos com eles por “falta de tempo”. Também acompanhamos os relacionamentos humanos com suas rotinas e monotonia. Passando um tempo, o dono do cachorro se encontra sem casa, nem trabalho, contando apenas com o seu carro e a companhia de Happy, com quem decide seguir uma viagem sem destino, até o triste momento de sua morte (não é spoiler aparece na primeira página).
    A segunda história, mostra um funcionário do serviço social que fica sensibilizado com os acontecimentos do Happy e seu dono, fazendo-o lembrar de sua infância e o período em que viveu com seus avós e que também teve um Happy na vida.
    Sabe quando você assiste aquele filme como Hachiko ou Marley e eu e depois de assistir a primeira coisa que faz é dar aquele aperto no seu cachorro? Pois é a sensação que temos ao terminar a leitura deste mangá que consegue com sensibilidade retratar o nosso sentimento por cachorros. 

:: Outras mídias
O Japão produziu uma versão live action, pelo trailer, parece bem fiel ao mangá!
    Boa sessão de leitura, passeiem e brinquem com seus cachorros!
E não esqueçam de curtir nossa fanpage!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Guia de leitura para John Constantine: Hellblazer | Cronologia

Tropa Dercy - 62 - Irmãos à Obra

Recomendação de 10 filmes de Artes Marciais | Lista

Churchill e três americanos em Londres | Recomendação de Livro

10 filmes com personagens protagonistas LGBT

Arte com Star Wars por David Kraig | Imagens