Pular para o conteúdo principal

O segredo dos seus olhos | Recomendação de filme “não hollywoodiano”

O segredo dos seus olhos - El secreto de sus ojos - 2009 - Argentina/Espanha


   Muitas vezes me perguntei qual a razão de nossos vizinhos argentinos terem tantos prêmios no Oscar e nós, brasileiros, ainda não termos nenhum. Sei que não sou nenhum profissional em cinema, mas sempre acreditei no talento nacional. Porém, esse é o segundo filme argentino que assisto e começo a perceber uma certa superioridade argentina quando o assunto é sétima arte, justificando mais uma de suas estatuetas conquistadas.
   O segredo de seus olhos acompanha a vida de Benjamín Esposito, interpretado por Ricardo Darín, um funcionário da Justiça que está aposentado e decide escrever um romance. Seu livro será baseado em um caso, ocorrido há 25 anos, em que uma jovem foi estuprada e assassinada. Durante as investigações, Esposito lida com a paixão quase doentia do viúvo, além de enfrentar problemas de corrupção e vingança no ambiente que devia combatê-los. Muito parecido com casos que já conhecemos no Brasil. Em paralelo, temos sua história pessoal, de romance não resolvido com sua chefe Irene, interpretada por Soledad Villamil.
   A história utiliza do recurso do flashback, o que muitas vezes pode se tornar inconveniente. Entretanto, o longa conta com uma ótima direção, um excelente roteiro e um elenco talentoso que, juntos, conseguem entregar um filme que não deixará nenhum dúvida sobre o porquê de ter levado o Oscar de Melhor filme estrangeiro em 2010.
   Ainda falando do roteiro, ele consegue mexer com nossa cabeça, não apenas pela plot principal, mas pelo relacionamento desenvolvido entre Irene Esposito. Verdades não faladas, sentimentos não declarados é bem possível que, em algum momento, qualquer espectador se sinta representado, se identificando com as situações vividas pelos personagens.
   E o final? Quando achamos que toda a história já se encerrou, temos dois desfechos maravilhosos, sendo o primeiro responsável por colocar um tom mais pesado, esperado devido a carga dramática apresentada. E o outro? Bom, nesta parte eu deixo para vocês conferirem por conta, pois este é um daqueles filmes para marcar na memória.
   Como sempre, desejo que apreciem o filme e que nos acompanhem na fanpage e também nas outras redes sociais!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Tropa Dercy - 61 - Power Rangers: O FIlme

Capitã Marvel | Trailer, poster e imagens

Glass (Vidro) | Trailer, Poster, Imagens

Churchill e três americanos em Londres | Recomendação de Livro

Wayne de Gotham | Recomendação de Livro

Tropa Dercy - 56 - Motoqueiro Fantasma: Estrada para Danação