Pular para o conteúdo principal

Juiz Dredd | Recomendação de Quadrinhos

 
Arte do Alex Magno, membro da nossa Tropa!
Dredd é um personagem de histórias em quadrinhos criado por John Wagner, Carlos Ezquerra e Pat Mills. Sua primeira aparição em hqs foi na 2000AD, em 1977. A 2000AD é um revista de quadrinhos britânica e que está em publicação até hoje.
As histórias do Dredd se passam em Mega-City One, uma espécie de super cidade do século 22 que surgiu após uma guerra nuclear que devastou boa parte do EUA. Mega-city é uma cidade com altos índices de criminalidade e desemprego, estes fatores tornam impossível o sistema de justiça que nós conhecemos. É neste contexto que surgiram os Juízes, responsáveis por colocar ordem na cidade, eles possuem amplos poderes, podendo perseguir, capturar, julgar e, se necessário, até executar os criminosos.
O juiz Dredd é considerado o melhor dos juízes, incorruptível e imbatível, ele é descendente (clone para ser mais exato) daquele que é considerado o “pai” dos Juízes: Fargo. Possui também um irmão, igualmente clone, mas com personalidade oposta, sempre tentando se vingar de Dredd, responsável por sua prisão.

Há diversos personagens recorrentes, mas em especial temos a juíza Anderson da divisão psi, que são juízes especializados em telepatia e premonições.
O universo do Dredd é bem rico, por se passar no futuro, há muitas histórias interessantes, como alterações nos corpos para transformar em ciborgue e mutações genéticas causadas pela radiação. As viagens espaciais também estão bem desenvolvidas, tanto que há uma prisão na Lua, onde Rico ficou preso, por isso seu visual macabro, todos que são enviados para lá passam por cirurgia pois não há oxigênio para respiração. E, não podemos nos esquecer do sobrenatural, muitas histórias com os Juízes do Apocalipse.
Uma curiosidade muito interessante é que nunca conhecemos o verdadeiro rosto, o mais próximo que se chega são imagens desfocadas.
    
Algo que eu também gosto muito nos quadrinhos do Dredd são os inúmeros “crossover”, já houve histórias com o Lobo, com Aliens, com o Predador e até o Batman. Em um futuro próximo, pretendemos falar com detalhes de algumas dessas histórias.
Saindo um pouco dos quadrinhos, Dredd já ganhou duas adaptações cinematográficas, uma em 1995, sendo protagonizado por Sylvester Stallone, já adianto que o filme é perfeitamente dispensável. A segunda adaptação é muito boa e foi feita em 2012, mais fiel as HQs, apesar do baixo orçamento. Neste recente remake, o protagonista é Karl Urban que conseguiu representar bem o personagem, a ponto de em nenhum momento retirar sua máscara. Ainda falaremos deste filme.
Indico esse quadrinho para quem não tem problemas com sangue e violência, não se trata de uma história de um herói, mas de um anti-herói que não mede esforços para manter a lei e a ordem em Mega-city One. 
Para finalizar, selecionamos abaixo alguns quadrinhos do Dredd que já foram publicados em português no Brasil, alguns títulos ainda estão disponíveis para compra. Boa leitura a todos! 

- Juiz Dredd: Origens - interessante por retratar como tudo começou e também como foi a Guerra nuclear, detalhe que o presidente dos EUA lembra o Bolsonaro.
- Juiz Dredd: Mandroide - história que fala mais de transformações do corpo, algo como se tornar um ciborgue, no estilo de Robocop.
- Juiz Dredd: Juiz Morte - encadernado que conta com a Anderson como protagonista, bem interessante ver a divisão psi em ação. 
- Magazines mensais (já canceladas) - valem bastante a pena, pois são um mix, isto é, há outras histórias não relacionadas ao Dredd como Choques Futuristas do Alan Moore que são muito boas.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Guia de leitura para John Constantine: Hellblazer | Cronologia

Recomendação de 10 filmes de Artes Marciais | Lista

Churchill e três americanos em Londres | Recomendação de Livro

Tropa Dercy - 62 - Irmãos à Obra

10 filmes com personagens protagonistas LGBT

Wayne de Gotham | Recomendação de Livro